Entrevista e Fotos: Independente 0×1 Guaçuano

Boa tarde Amigos do blog,

Conforme prometido, trago as fotos e o áudio da entrevista com o técnico João Batista. Vale a pena ouvir o depoimento do nosso técnico.

João Batista fala ao blog do Guaçuano

Aquecimento

Aquecimento

Equipe do Mandi perfilada para o Hino Nacional

Equipe do Mandi perfilada para o Hino Nacional

Mandi em ação durante a partida

Mandi em ação durante a partida

Fabiano foi um dos destaques da partida

Fabiano foi um dos destaques da partida

Guilherme ouve atentamente as instruções do técnico João Batista

Guilherme ouve atentamente as instruções do técnico João Batista

Mandi Respira

Bom dia Amigos do blog,

E que dia!!! Amanhecemos vivos e na briga pela classificação à 2ª fase da Copa Paulista.

Foi uma bela vitoria conquistada dentro de campo perante o Independente no vazio estádio Comendador Agostinho Prada, em Limeira/SP. A vitoria deixa o Guaçuano com a possibilidade de se manter vivo na Copa Paulista. Restam ainda 3 partidas para o Mandi nesta 1ª fase: Rio Branco (Estádio do Camacho-Domingo 02/Set ás 10hs), Paulista (Estadio Jaime Cintra – Quarta 05/Set ás 15hs) e XV de Piracicaba (Estádio do Camacho-Domingo 09/Set ás 10hs). Se o Mandi vencer os três compromissos, a chance de classificação é enorme, mas vamos pensando jogo-a-jogo.

A partida começou equilibrada e com ambas as equipes buscando as jogadas de ataque. O Independente encontrava dificuldades em atacar pelos lados do campo e passou a tentar infiltrar na zaga do Mandi pelo meio, porém os zagueiros Dedé e Samuel não davam espaços aos rápidos atacantes da equipe limeirense. Com uma zaga segura, o meio campo do Mandi começou a se destacar e criar as jogadas de ataque que o Guaçuano precisava. Com Yannick e Dinda jogando com liberdade, a bola chegava com frequência para os atacantes Billy e Ray. Com um volume de jogo muito forte o Mandi não demorou a chegar ao gol: Fabiano iniciou a jogada pela esquerda e lançou para Ray na ponta esquerda…O centroavante do Mandi dominou a jogada proximo a linha de fundo, cortou para trás e deu um belo cruzamento para Dinda chegar na area e cabecear com estilo para encobrir o goleiro Alex…. O Mandi abria o placar aos 12 minutos de jogo. Dinda comemorou seu primeiro gol com a camisa do Guaçuano fazendo um golpe de capoeira.

Com o placar a favor, o Guaçuano manteve a mesma postura tática e permanecia com maior volume de jogo em relação ao adversário. Com o passar do tempo, o Independente foi ficando nervoso e começaram a aparecer varias jogadas violentas. O arbitro pecou por não anotar varias infrações desse tipo e os jogadores abusavam desse tipo de jogada. Aos 40 minutos do primeiro tempo, Billy recebeu a bola no meio campo e foi se proteger da entrada do zagueiro, mas com o movimento das mãos para trás acabou acertando o rosto do volante Junior. O jogador do Independente já nervoso dentro da partida, viu a atitude como agressão e desferiu um soco nas costas de Billy. O arbitro não enxergou a jogada e só expulsou os dois jogadores após ser alertado pelo auxiliar nº 1, Sr. Leandro Alves de Souza. O Mandi ainda teve chance de marcar mais um gol no primeiro tempo, mas o goleiro Alex praticou boas defesas e manteve o placar em apenas 1×0 para o Guaçuano.

Para a segunda etapa, o técnico João Batista posicionou o Mandi para jogar nos contra-ataques e marcando atrás da linha da bola. O Independente por sua vez colocou o atacante Pitoco e veio para cima do Mandi. A tática do Guaçuano deu certo e o Independente apesar de ter mais a posse de bola, não levava perigo ao gol de Victor. As únicas jogadas que chegavam ao goleiro Victor eram de jogadas de bola parada e cruzamentos na área. Com o passar do tempo, o Guaçuano passou a explorar os espaços deixados na zaga do Independente e o atacante Ray teve duas chances claras de ampliar o marcador. Aos 26 minutos quase o Mandi fez o 2º:  Yannick recebeu de Léo Paraíba e saiu na cara de Alex, a bola batida cruzada foi salva pelo goleiro do Independente. Aos 25 minutos o técnico João Batista colocou Saulo no lugar de Léo Paraíba e Wilson no lugar de Yannick. Com 3 zagueiros fechando a zaga, quem se destacou nos desarmes e ligação de contra-ataque foi o meia Veiga, que comandou o meio campo do Mandi. O Independente tentava a qualquer custo o empate e acabou levando perigo em duas jogadas de bola parada…porém a noite era mesmo do Mandi e as duas jogadas acabaram na trave do goleiro Victor.

Aos 28 minutos o autor do gol do Mandi deu lugar ao atacante Victor. Com Ray pela esquerda e Victor pela direita, o Guaçuano abusou de perder gols e poderia ter saído com uma vantagem maior. Cada um dos atacantes teve a oportunidade de fazer no minimo um gol cada, mas as finalizações pararam nas mãos de Alex e passou bem próximo a trave do goleiro do Independente. Final de jogo:  Independente 0×1 Guaçuano. Apesar do placar minimo, foi uma bela e grande vitoria do elenco Guaçuano. Uma vitoria que enche de orgulho o peito do torcedor Guaçuano.

Em breve estarei postando aqui fotos da partida e uma entrevista com o técnico João Batista. Na entrevista ele fala da partida, da sequência no campeonato, e principalmente das dificuldades que a equipe anda tendo.

Agora é Tudo ou Nada!!!!!

Boa tarde Amigos do blog,

04 jogos… 04 vitorias…. É exatamente isso que o Guaçuano precisará para manter-se vivo na Copa Paulista. A necessidade de manter-se 100% até o final da primeira fase, é o reflexo da falta de resultado positivos até aqui na competição. A equipe do Mandi se apresentou bem dentro da competição, porém a falta de resultados positivos durante a competição fez com que o Guaçuano chegasse nesse momento com a obrigação de vencer todos os jogos até o final da primeira fase.

A situação delicada da equipe, vem trazendo um peso a mais para os atletas dentro das partidas. Para reverter essa situação, o técnico João Batista tem tentado conversar com os atletas e diminuir essa pressão psicológica dos atletas dentro dos jogos. As dificuldades encontradas fora das quatros linhas, como uma alimentação mais completa, um centro de treinamento que não seja o estádio do Camacho, e outras tantas adversidades, poderiam ajudar a diminuir esse peso da equipe, porém a comissão técnica sabe que terá que trabalhar com essas dificuldades até o final da Copa Paulista e tem tentado se adaptar da melhor forma possível.

Para o jogo que declarará a sobrevivência ou morte (toc, toc, toc) do Mandi dentro da Copa Paulista 2012, o técnico João Batista não fará grandes mudanças. O esquema tático será o mesmo das ultimas duas partidas: 4-4-2. As mudanças acontecerão nas duas laterais: Guilherme e Fabiano assumem as alas direita e esquerda respectivamente. Caso não tenha nenhum problema de ultima hora, o Mandi vai a campo com Victor, Guilherme, Dedé, Samuel e Fabiano; Veiga, Léo Paraiba, Dinda e Yannick; Billy e Ray. Com as mudanças nas laterais, o técnico João Batista pretende dar mais marcação pelos lados de campo e liberar mais os meias para atacar. Ainda segundo João Batista, as opções por Guilherme e Fabiano nas laterais, são em virtude do maior poder de marcação dos escolhidos em relação a João Paulo e Diego, atletas que vinham atuando de titular.

Agora não resta mais escolhas….é Vencer e se manter vivo na Copa Paulista. Com qualquer outro resultado o Mandi dá adeus a Copa Paulista e depois só cumprirá tabela até o final da 1ª fase.

Respeito e muito o Independente, mas acredito numa vitoria nesta noite. Arrisco o placar de 1×0… 

Vamo que Vamo ….É Guaçuano!!!!!!

Situação Delicada

Bom dia Amigos do blog,

O empate em 0×0 no ultimo sábado, complicou ainda mais a situação já complicada do Mandi. Com o resultado o Guaçuano permanece na 6ª colocação com 6 pontos atras do ultimo classificado para a 2ª fase da Copa Paulista. Matematicamente é possível brigar pela classificação, porém somente com uma sequencia de 4 vitorias será possível alcançar o objetivo. O jogo do ultimo sábado contra o Capivariano foi muito disputado: no primeiro tempo houve um  domínio muito grande da equipe da casa, e o Mandi acabou segurando o resultado e não levou gols; Já na segunda etapa o Guaçuano partiu pra cima e acabou pressionando um pouco mais, mas o 0×0 prevaleceu no placar.

O jogo de amanhã contra o Independente selará de vez o caminho do Mandi na Copa Paulista. Uma vitoria deixa o Mandi vivo na competição, e dependendo de outros resultados ficaremos apenas 3 pontos da zona de classificação e dependendo apenas de nossas forças num confronto direto pela classificação. Empate ou derrota na partida, deixa o Mandi matematicamente fora da briga pela classificação.

***************

No confronto contra o Capivariano no ultimo sábado, tive a oportunidade de rever dois ex- jogadores do Mandi. Amagno e Paulo Osório estiveram reunidos com os atletas após a partida e houve um bom bate papo entre os amigos de clube.

Amagno alias confidenciou que sempre acompanha o blog e procura saber como anda a situação do Mandi. Quero aproveitar o espaço e deixar um abraço a esse atleta que acabei virando amigo, e que mesmo não estando mais no Mandi tem o meu respeito e torcida pelo seu sucesso. Valeu Amagno!!!

*************

Em julgamento realizado na noite desta segunda-feira (27) o Clube Atlético Guaçuano foi julgado pelo artigo 211 do CBJD e punido com multa no valor de R$ 1.000,00 (hum mil reais); No mesmo julgamento, o preparador de goleiros Saulo Adriel foi julgado e punido por 4 partidas e uma multa de R$ 100,00 (cem reais) pelo artigo 243-F do C.B.J.D. As punições são referente a denuncia da partida contra o Ituano no ultimo dia 19.

É Vencer ou Vencer

Bom dia Amigos do blog,

Chegou a hora… Não dá mais para ser depois… Hoje o Guaçuano entra em campo contra a equipe do Capivariano na cidade de Capivari/SP e não pode ter outro resultado que não seja a vitoria…Nem o empate serve para o Mandi!!!  Perder pontos significa dar adeus as chances de classificação para a 2ª fase da Copa Paulista.

O palco do espetáculo desta tarde não receberá publico. O Estádio Carlos Colnaghi que nos últimos anos sediou belos confrontos entre Capivariano X Guaçuano, esta interditado por falta de laudos e a partida acontecerá com portões fechados. A historia recente desse confronto alias chama a atenção pela rivalidade que se criou desde a época da “Bezinha”, de onde Capivariano e Guaçuano saíram para tentar buscar um lugar de destaque no futebol paulista. Os confrontos recentes reservaram as equipes visitantes levar a melhor ao final da partida: Nos últimos dois jogos em Mogi-Guaçu, o Capivariano venceu em 2011 pela Segunda Divisão pelo placar de 1×0 – Gol de falta do atacante Romão – e em 2012 pela Copa Paulista arrancou um empate por 2×2 com gols de Denis e Everton pelo Leão e Billy e Ray marcando pelo Mandi. Já quando o jogo foi realizado em Capivari, o Mandi levou a melhor: em 2011 pela Segunda Divisão houve empate em 2×2 – Gols de Romão e Lucas pelo Capivariano e Tiago Chulapa e Gustavo pelo Mandi – e pelo Paulista A3 deste ano o Mandi aplicou uma sonora goleada de 5×0 – Billy (2) Chulapa (2) e Bruninho marcaram os gols da vitoria, que ainda teve uma defesa de pênalti do goleiro Victor.

Como o Guaçuano não tem outra alternativa a não ser a vitoria, o técnico João Batista manterá um esquema mais ofensivo mesmo atuando fora de seus domínios. Assim como aconteceu na partida contra o Ituano no ultimo final de semana, o Guaçuano começará o jogo na formação 4-4-2. Com o retorno da zaga considerada titular, o técnico João Batista pretende que a equipe pressione o Capivariano desde o inicio em busca do resultado. Dedé que sentia dores lombares, esta totalmente recuperado e confirmado no miolo de zaga do Mandi. Outra boa noticia é o retorno do zagueiro Samuel que recentemente passou por uma lesão na coxa e também por problemas familiares. Samuel não atua desde o dia 01 na derrota para o Paulista.

O Guaçuano começa a partida com Victor, Guilherme, Dedé, Samuel e Diego; Veiga, Léo Paraíba  Yannick e Dinda; Billy e Ray.

*************

Ontem pela abertura da 9ª rodada pelo grupo 3 da Copa Paulista, o XV de Piracicaba recebeu o Independente no Barão de Serra Negra e acabou perdendo pelo placar de 1×0. Com o resultado o XV permanece na liderança com 14 pontos ganhos em 8 jogos disputados, seguido pelo Ituano com 13 pontos em 7 jogos, Capivariano com 11 pontos em 7 jogos e fechando o G4 o Paulista com 11 pontos em 7 jogos. Com a vitoria fora de casa, o Independente chega a 10 pontos ganhos em 8 jogos disputados e encosta de vez na briga pela classificação. Vale lembrar que o Mandi vem na 6ª colocação com 5 pontos em 7 jogos. Alem de Capivariano X Guaçuano, hoje também tem Ituano X Rio Branco pela 9ª rodada. Ambos os jogos acontecem neste sábado as 15:00hs

Revolta

Boa tarde Amigos do blog,

Peço sinceras desculpas pelo sumiço do blog… minha revolta é grande com a arbitragem que mais uma vez nos “ferrou” nesta Copa Paulista… Ainda hoje, 05 dias após a partida contra o Ituano continuo P. da vida com o assalto que tivemos no estádio do Camacho no ultimo domingo. Se eu escrevesse tudo o que quero aqui, com certeza o Luciano Claudino, dono do site jogolimpo.com, me excluiria desse espaço.

Antes que venham falar que é “choro de perdedor”, foi irritante como o cidadão chamado Paulo Estevão Alves da Silva (Me recuso a chamar de arbitro um bandido como este) prejudicou a equipe do Guaçuano. O jogo foi muito bom e aberto entre as equipes, com variações de domínio de jogo entre as equipes durante a partida. O Ituano soube explorar a velocidade e abriu o marcador aos 16 minutos de partida no primeiro tempo. No segundo tempo o Mandi mandou no jogo e se não fosse a incompetência e má índole do trio de arbitragem com certeza o Guaçuano teria saído com a vitoria.

O primeiro erro ou má fé do arbitro aconteceu aos 10 minutos do segundo tempo: Billy foi claramente chutado dentro da área pelo zagueiro do Ituano, tanto é que foi possível ouvir o barulho do impacto na chuteira do camisa 11 do Mandi. Eu estava de gandula dentro de campo e estava a menos de 5 metros do lance, distancia maior que o arbitro estava do lance. NADA FOI MARCADO… até mesmo o fiscal da F.P.F que fica no túnel de acesso aos vestiários, não acreditou que o safado não tenha marcado a penalidade em favor do Mandi.

O segundo lance que poderia mudar o rumo da partida aconteceu quase 5 minutos depois do primeiro erro. Billy invadiu a área pela direita do ataque e foi empurrado pelas costas quando iria finalizar no momento que estava cara-a-cara com o goleiro Douglas; Desta vez o arbitro estava longe da jogada e o auxiliar Willian Rogério dos Santos Turola na mesma linha que aconteceu a jogada, ficou olhando para outro lado e não marcou a penalidade.

O terceiro lance que mudaria o placar deixou explicito a má fé da arbitragem com o Guaçuano: A bola foi levantada na area pelo lateral João Paulo; Ray entrou na aréa e da marca do pênalti ajeitou de cabeça para Dinda bater forte rasteiro e empatar a partida; A arbitragem invalidou o gol alegando impedimento de Ray. O detalhe é que Ray partiu para a jogada após o levantamento de João Paulo. O Camisa 9 Guaçuano estava fora da área no inicio da jogada e havia no minimo 2 zagueiros do Ituano dentro da área no momento do lançamento.

O Quarto lance foi o unico lance que podemos discutir a idoneidade da arbitragem: Em jogada pela lateral da área, a bola sobrou para Guilherme que ao invés de cruzar, bateu firme em direção ao gol. O goleiro Douglas que estava esperando o cruzamento voou para espalmar a bola…Seu corpo estava para fora da linha do gol, mas suas mãos estavam do lado de dentro da trave. Da posição que eu me encontrava no campo ( a pouco mais de 3 metros ao lado da trave ) pude ver claramente que a bola ultrapassou a risca pelo ar. O lance foi rápido e pelo alto, por isso pode até ser discutido que arbitro e auxiliar não tenham visto a bola cruzar a linha do gol, mas a bola cruzou a linha, isso cruzou. Na mesma hora o repórter Ivan Rezende da Radio Difusora e outro repórter que acompanhava pela radio de Itu/SP tiveram a mesma percepção.

A situação do Guaçuano dentro da Copa Paulista fica no alerta vermelho. Faltando 5 jogos para o fim da primeira fase, o Mandi esta a 6 pontos atras do ultimo classificado do grupo 3. Para manter vivas as chances de se classificar, o Guaçuano precisaria vencer 4 dos 5 jogos restantes, principalmente contra os adversários diretos como Capivariano, Independente, Paulista e XV de Piracicaba; O outro adversário será o Rio Branco.

Dá para buscar a classificação??? Sim dá!!!!

Vai ser possível se classificar??? Só o tempo irá dizer!!!

Eu continuo acreditando, pois nosso técnico e nossos jogadores merecem essa confiança por tudo o que fizeram e fazem até hoje, mesmo diante de tantas dificuldades que já enfrentaram e ainda enfrentam…. O próximo passo será dado neste sábado, contra o Capivariano em Capivari/SP…Será a primeira a final, e caso não vençamos poderá ser a ultima!!!! Vamo que Vamo Guaçuano!!!

 ***********************

P.S.: Para quem não sabe, durante o jogo contra o Ituano, nosso preparador de goleiros Saulo Adriel foi expulso de campo após questionar um dos erros da arbitragem. Após ser expulso, o mesmo perdeu a razão e atirou a água de uma garrafinha no rosto do safa…- do arbitro e foi citado por sua atitude na sumula. Outro incidente foi que após o termino da partida, a arbitragem ao chegar ao vestiário encontrou o espaço reservado todo encharcado de água, incluindo notebook, equipamentos eletrônicos da FPF, roupas, bolsas e alimentos cedidos pelo Clube Atlético Guaçuano. A policia foi acionada no momento, mas nenhum vestígio ou responsável foi identificado pelas autoridades. Após aproximadamente 2 horas após o termino da partida, a arbitragem teve que deixar o estádio do Camacho com escolta policial e com suas roupas úmidas devido ao incidente do vestiário.

O TJD (Tribunal de Justiça Desportiva-SP) através da citação 27/2012, citou os dois atos que irão a julgamento pela entidade no dia 27/08/2012 a partir das 18:00hs. Saulo foi citado nos artigos 243-F paragrafo 1º (Ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto/Se a ação for praticada por atleta, mesmo se suplente, treinador, médico ou membro da comissão técnica, contra árbitros, assistentes ou demais membros de equipe de arbitragem, a pena mínima será de suspensão por quatro partidas) e 243-C (Art. 243-C. Ameaçar alguém, por palavra, escrito, gestos ou por qualquer outro meio, a causar-lhe mal injusto ou grave. PENA: multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais), e suspensão de trinta a cento e vinte dias. )

Já a agremiação do Clube Atlético Guaçuano foi citada no artigo 211 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). e caso seja punido poderá sofrer a seguinte pena: multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais), e interdição do local, quando for o caso, até a satisfação das exigências que constem da decisão.

O Mandi não para.

Boa tarde Amigos do blog,

Ficar sem jogos do Guaçuano é algo muito chato. Chega a ser tedioso!!! Mas para nossa alegria no próximo domingo (19) a bola volta a rolar para o nosso Mandi!!

E não é porque ficaremos 15 dias sem jogos que o Mandi ficou e nem ficará parado. Desde o ultimo jogo contra o XV de Piracicaba no dia 04 de Agosto, o elenco Guaçuano teve apenas 3 dias de folga. Nos demais dias foram trabalhados muito a parte física, técnica e tática dos jogadores. A comissão técnica comemorou a “mini inter-temporada”, e puderam ao menos amenizar o curto tempo de preparação que tiveram antes do inicio da competição.

O departamento médico do Mandi também pode comemorar esse período sem jogos. O fisioterapeuta do clube, Dr. Marcelo Gomes, não conta com nenhum atleta parado devido a lesão. Os únicos casos que desfalcam os trabalhos técnicos e táticos neste momento, são dos zagueiros Samuel e Dedé.  Samuel ainda sente a lesão na coxa e desfalcará o Mandi na partida contra o Ituano. Sua volta deverá acontecer no jogo contra o Capivariano, já que o atleta voltou a correr nesta semana e ainda precisa de maiores condições para voltar a campo.  O caso de Dedé é diferente; o camisa 3 do Mandi sente dores na região lombar e também preocupa para o jogo do próximo domingo. Dedé não treinou nesta terça-feira e segue em tratamento para se recuperar a tempo de não perder o jogo que abre o returno da Copa Paulista para o Guaçuano.

**********************

Nos últimos dias, muito tem se falado sobre uma possível transferência do técnico João Batista para a equipe do Rio Branco de Americana. Segundo o próprio João Batista, não houve nenhuma proposta do clube de Americana/SP e que apenas algumas consultas de pessoas relacionadas ao futebol, inclusive de amigos dele, chegaram até seu conhecimento. Ele inclusive chegou a mencionar sobre uma consulta do São Bento de Sorocaba, que acabou fechando com outro treinador. Ainda segundo João Batista, não será qualquer proposta que fará com que ele deixe o comando técnico da equipe do Guaçuano. João Batista afirmou que mesmo com todas as dificuldades que esta enfrentando no Mandi, quer continuar na equipe e que pensa somente em levar o Guaçuano para a 2ª fase da Copa Paulista.

Antes do inicio dos treinamentos desta semana, o treinador reuniu todos os jogadores para uma conversa e afirmou seu compromisso com a equipe e com o objetivo de levar o Guaçuano até as próximas fases da Copa Paulista. Os resultados da ultima rodada do grupo 3, em que todos os jogos acabaram empatados, deram um animo a mais para jogadores e comissão técnica que confiam e muito na possibilidade de brigar por uma das quatro vagas a 2ª fase.

***************

Com as dificuldades financeiras em manter o Clube Atlético Guaçuano nesta Copa Paulista, o gestor Adilson Brito se reuniu com atletas e comissão técnica após o jogo contra o XV de Piracicaba. Adilson explicou aos profissionais que trabalham pelo Mandi as condições financeiras atuais do clube, que inclui o corte quase que pela metade do valor acordado com a diretoria anterior da cota de patrocínios - do valor inicial de cerca de R$ 19mil, apenas R$ 11mil estariam sendo pagos- e propôs uma redução salarial para que todos continuassem no clube e receberem seus vencimentos em dia.  Diante da proposta, todos – comissão técnica e jogadores- aceitaram reduzir os valores de seus vencimentos para continuar empregados no clube e continuar recebendo seus vencimentos em dia.

Com o acordo firmado com a comissão técnica e jogadores, Adilson consegue equalizar a folha salarial e ao mesmo tempo manter em dia o pagamento dos profissionais. Em contra partida para não prejudicar tanto os jogadores como a comissão técnica, o gestor decidiu repassar aos atletas 300 ingressos de cada jogo que a equipe fará como mandante. Com a venda antecipada desses ingressos, o valor arrecadado poderá ser dividido entre todos e assim amenizar o corte salarial.

Camisas e Ingressos

Continuam a venda as camisas de jogo do Clube Atlético Guaçuano. Disponíveis nas opções de cores Verde e Branca, as camisas custam R$ 50,00. Os interessados podem entrar em contato comigo pelos fones (19) 9213-8070 / 8114-3836.

Tenho uma promoção para esta semana: Estão disponíveis 05 camisas do Mandi no tamanho G + 01 ingresso para a partida contra o Ituano pelo valor de R$ 50,00. A promoção só é valida para as 5 camisas. Também estou vendendo ingressos antecipados para o jogo contra o Ituano. Os valores continuam R$ 10,00 para o jogo que irá acontecer no próximo domingo (19) as 10h:00m no estádio do Camacho. Vamos lá pessoal, quem adquirir estará contribuindo com os atletas e comissão técnica do Guaçuano!!!

Vamos lotar o Camachão e participar do inicio da reação do Mandi na Copa Paulista!!!!

Mandi encerra o turno com empate

Boa tarde Amigos do blog,

O Clube Atlético Guaçuano encerrou o turno da primeira fase do grupo 3 da Copa Paulista com um empate na partida contra o XV de Piracicaba. O jogo aconteceu na casa do adversário, no estádio Barão de Serra Negra, em Piracicaba/SP. O resultado de 1×1 manteve o XV na primeira colocação do grupo com 10 pontos em 5 jogos disputados; Já o Mandi fica na 5ª colocação com 5 pontos ganhos em 6 jogos disputados. O Mandi folgará na ultima rodada do turno e só voltará a campo na abertura do returno, dia 19 de agosto contra o Ituano no estádio do Camacho.

Enfrentando o líder do grupo 3 na casa do adversário, o Guaçuano não se intimidou e mostrou desde o inicio que enfrentaria o “nho-quim” de igual para igual. Com uma postura que lembrou os melhores tempos da ultima Serie A3, o Mandi segurava a equipe da casa no meio campo e levava perigo ao gol adversário em jogadas rápidas. Com o retorno de Ray no  ataque do Mandi, as atenções em cima do artilheiro Billy dividia as atenções da zaga quinzista. Com o passar do tempo e jogando com o apoio da sua fanática torcida, o XV conseguiu melhorar na partida e levar perigo a meta de Victor.

Com um jogo aberto entre as equipes, as chances de gol começaram a aparecer: Guilherme pelo Mandi e Paulinho pelo XV obrigaram os goleiros Victor e Neto a fazerem verdadeiros milagres. Victor voltaria a fazer mais um milagre aos 29 minutos em uma cobrança de falta do meia André Cunha..a bola veio colocada com efeito no angulo, mas o goleiro do Mandi voou para fazer uma linda defesa. O Mandi tambem arriscava e abriu o placar aos 31 minutos:  Guilherme cobrou escanteio da direita e na segunda trave Saulo subiu mais que a zaga para cabecear a bola nas redes…1X0 e festa dos cerca de 10 torcedores do Mandi presentes ao estádio Barão de Serra Negra.

O gol abalou a equipe da casa e o Mandi continuou com a forte marcação exercida desde o inicio. O XV passou a explorar as laterais do ataque e a cruzar bolas na área. A tática não deu certo e o primeiro tempo se encaminhava para a vitoria do Mandi… aos 45 minutos Billy recebeu lançamento longo e avançou com a bola pelo lado esquerdo do ataque…o lance que poderia gerar uma chance de gol para o Guaçuano foi interceptado pela zaga e lançado em profundidade para o campo de ataque do XV – Pela direita a bola foi cruzada para a área e Paulinho acertou um lindo voleio para empatar a partida…A festa agora foi da torcida da casa e após a saída de bola o primeiro tempo foi encerrado…Um jogão de bola!!!

Confira os gols no site da EPTV : http://globotv.globo.com/eptv-sp/eptv-esporte/t/veja-tambem/v/xv-de-piracicaba-empata-com-o-guacuano-em-1-a-1/2075968/

No segundo tempo, ambas as equipes se respeitavam demais e com a marcação encaixada as chances foram menores que no primeiro tempo. O XV tentava furar o bloqueio guaçuano e não conseguiu criar grandes chances. A sua unica oportunidade no segundo tempo foi com Paulinho, mas Victor novamente foi bem para a bola e fez mais uma bela defesa. Pelo lado do Mandi quem teve a chance do gol da vitoria foi Léo Paraíba, que recebeu na entrada da área e arriscou belo chute, porém o goleiro Neto estava bem posicionado e praticou bela defesa. Final de jogo e o 1X1 foi justo pelo futebol que ambas as equipes apresentaram.

Na saída do estádio ficou o sentimento de dever cumprido ao pontuar, mas ao mesmo tempo uma certa lamentação por saber que a vitoria poderia ser conquistada. O Guaçuano terá agora 15 dias para se preparar para o returno. Jogadores e comissão técnica continuam confiante que irão conquistar a vaga para a segunda fase no returno.

Vale destacar aqui o tratamento e o suporte dado pela diretoria do XV de Piracicaba aos torcedores do Guaçuano. Desde nossa chegada ao estádio, todos os funcionários do clube estavam orientados a nos dar todas as informações e segurança  necessária. A atenção que nos foi dada com muita educação e respeito são dignas de elogios. Fomos acomodados com segurança e tratados com muita atenção e carinho, mesmo quando o placar estava a favor do Mandi. O estádio Barão de Serra Negra apesar de ter um aspecto antigo, é muito bem cuidado e destaca com muito orgulho a historia desse clube grandioso. Fotos de equipes históricas como a que conquistou o vice-campeonato em 1976, estão estampadas logo na entrada do estádio. A torcida do XV mostrou toda sua paixão e a sua principal organizada, a esquadrão mostrou toda a sua paixão cantando praticamente o jogo todo. Vale aqui o pedido para a diretoria do Guaçuano atentar-se a um tratamento especial ao pessoal de Piracicaba no jogo de volta!!!

Para encerrar o turno

Bom dia Amigos do blog,

Será que é hoje que acabará a “urucubaca” que paira sobre o Mandi?Meus amigos, sinceramente eu não consigo acreditar no que tem acontecido com o time do Guaçuano… A equipe vem jogando bem, na maioria das vezes é superior ao seu adversário mas não consegue conquistar o resultado de vitoria. No jogo contra o Paulista tivemos no minimo 4 chances reais de gol, mas o goleiro Richard praticou verdadeiros milagres com suas defesas incríveis…Ainda por cima acabamos tomando um gol espirita do lateral Bruno Santa Rosa… São coisas do futebol que não tem explicação… A verdade é que não tem faltado empenho e dedicação dos atletas, por isso acredito fielmente que uma hora essa “zica” acabará… E tomara que seja hoje contra o “nho quim”.

A parada será dura para o Mandi na noite de hoje. O XV de Piracicaba é o atual líder do grupo 3 com 9 pontos ganhos, e vem de três vitorias consecutivas. Alem disso levou apenas 2 gols em 4 jogos disputados. A partida desta noite contra o líder do grupo, encerrará o primeiro turno para o Guaçuano, já que a equipe folgará na ultima rodada devido a desistência da equipe do União São João de Araras.

Para o importante duelo desta noite – o jogo acontecerá a partir das 19h00m no estádio Barão de Serra Negra, em Piracicaba/SP – o técnico João Batista novamente será obrigado a promover alterações na equipe: Samuel sentiu uma fisgada no final do treino desta sexta-feira e desfalcará o setor da zaga. Já o meia atacante Dinda também sentiu a contusão anterior e também é desfalque certo para o setor de meio/ataque. A boa noticia é o retorno do atacante Ray, que volta após cumprir suspensão automática.  No mais a equipe é a mesma que atuou contra o Paulista no  meio de semana:  Victor, Dedé, Sullivan e Saulo; Guilherme, Diego, Fabiano, Léo Paraíba e Yannick; Billy e Ray.

Para o técnico João Batista, o Guaçuano tem condições de conseguir um bom resultado contra o líder do grupo 3. João Batista sabe das dificuldades que irá enfrentar, mas confia que a equipe traga ao menos um empate de Piracicaba. Nas contas do treinador, a equipe conquistará a vaga para a segunda fase com 20 pontos, e para isso uma vitoria hoje é fundamental para se chegar aos 7 pontos e manter-se vivo na competição.

***********

Esta semana o zagueiro Douglas se despediu do Guaçuano. O zagueiro que não vinha tendo chances de atuar como titular, acabou sendo liberado para outro clube. Segundo informações vinda do próprio atleta, ele se juntará a outro ex-Guaçuano e atuará a partir de agora pelo America/SP. O zagueirão se juntará a Bruninho na equipe de Rio Preto. Douglas chegou ao Mandi em 2011 e fez parte do grupo que conquistou o acesso a Serie A3 naquele ano.  Boa sorte e sucesso ao Douglas!!! As portas do Mandi estarão sempre abertas para atletas como você!!!

***********

Ficha técnica

XV de Piracicaba: Neto; Jonathan, Everton, Alex Bacci e Denis; Diego Silva, Rodolfo, Marlon (Clayton) e André Cunha; Douglas (Paulinho) e Flávio (Willian Saroa).
Técnico: Wagner de Moraes.

Guaçuano: Vitor; Dedé, Sullivan e Saulo; Guilherme, Fabiano, Léo Paraíba, Yannick e Diego; Billy e Ray.
Técnico: João Batista.

Árbitro: Leonardo Vinicius Pereira;
Assistentes: Giulliano Neri Colisse e Patrícia Carla de Oliveira;
Quarto árbitro: Cristiano de Lazzari;
Local: estádio Barão de Serra Negra, em Piracicaba;

Parabéns Guilherme e Lais

Bom dia Amigos do blog,

Hoje não vou falar de futebol. A matéria sobre o jogo entre Guaçuano X 15 de Piracicaba fica para amanhã. Hoje eu quero parabenizar o jogador Guilherme e sua esposa Lais pelo nascimento do pequeno Cauan. O primeiro filho do casal nasceu na manhã desta sexta-feira em Mogi-Guaçu. Cauan nasceu com 45cm e 3.200kg, e segundo Guilherme é “cara” da mãe.

Gui e Lais, desejo muitas felicidades ao casal, e que essa criança cresça com muito saúde e que traga muita felicidade para vocês.