Para encerrar: Guaçuano X XV de Piracicaba

Bom dia Amigos do blog,

Amanhã encerraremos nossa participação na Copa Paulista 2012 frente ao XV de Piracicaba. Mesmo sem chances de classificação na competição, a torcida deve comparecer e prestigiar o elenco e comissão técnica.  Esse grupo esta marcado na historia do Clube Atlético Guaçuano por tudo o que foi feito nos últimos 2 anos. Ganhar e perder faz parte do futebol…o que difere é a forma como você encara o desafio, e disso nós torcedores podemos ter muito orgulho do nosso grupo de jogadores e comissão técnica.

Voltarei mais tarde com a matéria completa desse jogo…Vim antes aqui para comunicar e reunir os amigos para um churrasco de confraternização amanhã logo após o jogo contra o XV de Piracicaba. Iremos nos reunir no estádio do Camacho, em baixo da arquibancada de ferro, e o churrasco será nos moldes comunitário. Estão todos convidados a participar, inclusive os jogadores e a nossa comissão técnica….

Mandi é derrotado pelo Paulista

Boa tarde Amigos do blog,

O Guaçuano entrou em campo na tarde de ontem pela penúltima vez na Copa Paulista 2012. Mesmo atuando bem, o Mandi não se deu bem e acabou perdendo pelo placar de 1×0. O gol da vitoria do Paulista foi marcado pelo meia Chiquinho, em chute de fora da area aos 28 minutos do primeiro tempo.

O jogo foi bem aberto e cheio de oportunidades para ambas as equipe. O Paulista após o gol marcado, recuou e criava suas melhores oportunidades na base do contra-ataque. O Guaçuano criou grandes oportunidades de marcar e chegou a conseguir um gol que foi anulado pelo auxiliar. Um dos destaques do Mandi foi o atacante Ray que buscou jogadas o tempo todo.

Com a derrota de ontem, o Mandi não tem mais chances matemáticas de classificação. A equipe do técnico João Batista encerra sua participação na Copa Paulista 2012 no próximo domingo (09) quando enfrenta o líder XV de Piracicaba as 10h00m no estádio do Camacho.

Paulista X Guaçuano

Melhores lances da Partida:

  • O Mandi começou melhor em campo, mas aos poucos o jogo foi ficando equilibrado. Aos 25 minutos Chiquinho abriu o placar para o Paulista. No final do primeiro tempo, o Mandi pressionou e chegou a colocar a bola na trave após jogada de Ray e finalização de João Paulo, que entrou no lugar de Sullivan durante o primeiro tempo. Neste momento, Intervalo de jogo e o placar aponta Paulista 1×0 Guaçuano.
  • 16:04hs Começa o segundo tempo:  Cassiano Bodini faz bela jogada mas perde gol incrivel para o Paulista a 1 minuto da etapa final;
  • 2 minutos Ray faz bela jogada e quase marca;  04 minutos:  Ray marca o gol de empate do Mandi, mas a arbitragem anula marcando impedimento. Segue Paulista 1×0 Guaçuano.
  • 08minutos: Fabricio cruza, Saulo vacila e Cassiano Bodini cabeceia sozinho e perde um gol incrivel para o Paulista
  • 11minutos: Jogo é equilibrado e com as duas equipes buscando o gol. Segue Paulista 1×0 Guaçuano
  • 15minutos:  Cartão Amarelo para Fabiano, Camisa 6 do Guaçuano
  • 20minutos: O Mandi não esboça poder de reação e o placar segue Paulista 1×0 Guaçuano, gol de Chiquinho batendo forte de fora da área.
  • 27minutos: Paulista 1×0 Guaçuano
  • 30minutos: Entra Victor no Guaçuano. Mandi vai apertando o Galo do Japi
  • 31 minutos:  Jogada entre João Paulo e Victor e o Guaçuano ganha escanteio
  • 31 minutos:  Entra Diego e sai Fabiano no Guaçuano
  • 40 minutos: O Mandi pressiona mas não consegue o empate
  • 41 minutos: Chiquinho avança sozinho e bate firme para Victor colocar a escanteio…quase o 2º do Paulista
  • 43 minutos: Diego bate de fora e Richard tira da área
  • 45 minutos: O Paulista prende a bola no campo de ataque. O resultado elimina matematicamente o Mandi da Copa Paulista
  • 46 minutos: João Paulo vai a linha de fundo e cruza…a bola toca no ataque do Mandi e sai em linha de fundo
  • 48 minutos: Chiquinho avança e toca para Marcelo sair na cara de Victor…o Goleiro do Mandi faz bela defesa
  • Fim de Jogo:  Paulista 1×0 Guaçuano

Bom dia Amigos do blog,

O Mandi volta a campo na tarde desta quarta-feira pela 12ª rodada da Copa Paulista 2012. Com pouquíssimas chances de classificação, o Guaçuano tenta a reabilitação no campeonato após perder em casa para o Rio Branco pelo placar de 2×0. O jogo desta tarde será contra o Paulista a partir das 15h00m no estádio Jaime Cintra, em Jundiaí/SP. Acompanhe no blogdoguacuano a descrição dos melhores lances do jogo.

Para o jogo contra a equipe do Galo do Japi, o Guaçuano terá dois desfalques importantes: Suspenso pelo 3º cartão amarelo, o meio campista Léo Paraíba desfalca o setor de meio campo do Mandi. O outro desfalque fica por conta de Dedé; O zagueiro sentiu dores nas costas e fica de fora do compromisso desta tarde. O técnico João Batista teve apenas a terça-feira para preparar a equipe para esse jogo. Com o retorno do atacante Billy que retorna de suspensão, Dinda voltará a ser escalado no meio campo ao lado de Yannick. A ultima alteração da equipe é a mudança de formação que passará para o 3-5-2 com Saulo entrando de titular. Sullivan substitui Dedé e forma o trio de zaga ao lado de Samuel.

O Mandi esta escalado com Victor, Saulo, Sullivan e Samuel; Guilherme, Fabiano, Veiga, Yannick e Dinda; Billy e Ray. O Mandi está na 6ª colocação do grupo 3 com 9 pontos ganhos e mais 2 jogos por fazer (contando com o de hoje). A equipe ainda briga por uma melhor posição nesta 1ª fase.

O adversário desta tarde passa por diversas dificuldades financeira. Na ultima semana o estádio Jaime Cintra teve sua energia elétrica cortada por falta de pagamento a concessionaria de energia. O caso foi revelado a imprensa pelos próprios jogadores que foram obrigados a tomar banho na água fria. Alem do atraso de 2 contas de energia elétrica, foi veiculado que os salários dos jogadores e também da comissão técnica estariam atrasados em mais de 60 dias. Segundo o gerente administrativo do clube, João Alexandre Ribeiro a situação financeira da equipe de Jundiaí é critica: ““Nossa situação financeira está complicada. Não conseguimos pagar duas contas então aconteceu o corte.”

Se fora de campo a situação não é boa, dentro de campo o técnico José Macena chegou a colocar o cargo a disposição depois da derrota para o Capivariano fora de casa pelo placar de 2×1. A diretoria porém manteve o treinador a frente do atual bi-campeão da Copa Paulista. Neste momento o Paulista ocupa a 4ª colocação do grupo 3 com 12 pontos ganhos e ainda 3 jogos a realizar ( contando com o jogo de hoje ). O jogo de hoje é fundamental para as pretensões da equipe de Jundiaí. Vale lembrar que o Paulista ainda não venceu nenhuma partida como mandante, obtendo apenas 1 empate frente ao Ituano por 1×1.

Ficha técnica

Paulista: Richard; Thales, Júnior Alves, Patrick e Diego Marangón; Márcio, André, Fabrizzyo e Chiquinho; Cassiano Bodini e Cleberson.
Técnico: José Macena.

Guaçuano: Victor; Samuel, Saulo e Sullivan; Guilherme, Fabiano, Veiga, Dinda e Yannick; Billy e Ray
Técnico: João Batista.

Árbitro: Uelington Rosa Pereira;
Assistentes: Alexandre de Oliveira e Leonardo Augusto Villa;
Quarto árbitro: Ederson Martins Deodato;
Local: estádio Jaime Cintra, em Jundiaí;
Data: quarta-feira, 04, às 15h.

Adeus Copa Paulista!!!

Boa tarde Amigos do blog,

É com grande tristeza que venho hoje escrever a vocês. Infelizmente ontem terminaram as nossas chances de classificação dentro da Copa Paulista. Com a derrota por 2×0 para a equipe do Rio Branco, o Mandi tem a possibilidade de chegar somente a 15 pontos e dependeria ainda de uma combinação improvável de resultados nas demais partidas do grupo. Na manhã de ontem demos adeus a Copa Paulista 2012.

Infelizmente nos primeiros 30 minutos de jogo a equipe do Guaçuano não mostrou a mesma competência e equilíbrio demonstrado na partida anterior. O Rio Branco soube explorar bem os lados de campo e envolveu a equipe do Mandi. O primeiro gol da equipe visitante saiu logo aos 11 minutos numa jogada de contra-ataque: Após bom cruzamento da direita do ataque, Marcelo Soares dominou no bico da pequena área e fuzilou o goleiro Victor. O gol foi reflexo do espaço cedido da equipe Guaçuana ao time visitante. O Mandi tentou melhorar e partiu para tentar o empate, mas acabou vacilando novamente no contra-ataque e Dedé acabou cometendo falta próximo a área do goleiro Victor aos 23 minutos:  Ricardo Lopes cobrou forte e rasteiro… a bola acabou quicando a frente do goleiro Victor, que acabou aceitando o chute e não conseguiu defender…Rio Branco 2×0.

Com 2×0 contra, o Mandi partiu de vez para cima e quase acabou tomando o 3º gol…. O Rio Branco só não marcou porque o atacante não conseguiu finalizar o lance após sair cara-a-cara cm Victor. Com a equipe perdida em campo, o técnico João Batista mudou o time: Aos 30 minutos o meia Erick e o atacante Victor Silva entraram em campo nos lugares de Léo Paraíba e Yannick. A mudança surtiu efeito e o Mandi equilibrou a partida e passou a atacar com mais perigo e também a se defender melhor. Mesmo equilibrando o jogo, o Mandi não conseguiu levar perigo a meta do goleiro Eder.

O segundo tempo começou com terminou a primeira etapa: O Mandi pressionava e o Rio Branco apenas se defendendo. O Guaçuano mesmo atacando mais, não conseguia levar perigo ao gol de Éder. As duas melhores oportunidades foram nos pés do meia atacante Dinda: na primeira ele avançou pela esquerda e invadiu a área com grandes chances de marcar, porém o chute saiu forte e raspou o travessão do goleiro Éder. Na segunda, em chute forte da entrada da área, a bola novamente saiu forte e passou perto da meta defendida por Éder. O Guaçuano escapou de levar o terceiro gol, quando Marcelo Soares livre dentro da pequena área, encheu o pé e o goleiro Victor se redimiu da falha no segundo gol e espalmou a bola para fora da área. Aos 26 minutos, em uma ultima tentativa de pressionar o Rio Branco, o técnico João Batista sacou o zagueiro Dedé e colocou em campo o atacante Andrey.

Mesmo com 3 atacantes em campo, o Mandi não soube furar o bloqueio defensivo do Rio Branco e se despediu das chances de classificação a 2ª fase da Copa Paulista faltando três rodadas para o final. Resta agora ao time do técnico João Batista terminar de forma digna essa Copa Paulista. O Mandi volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Paulista, em Jundiaí as 15h00m. Para encerrar sua participação na Copa Paulista, o Guaçuano enfrenta o XV de Piracicaba no domingo (09) as 10h00m no estádio do Camacho.

Mesmo com a eliminação, não podemos dizer que faltou entrega e luta dos jogadores do Guaçuano. Faltou sim um pouco mais de atenção nos momentos de decidir as partidas. O elenco atual mostrou um bom futebol, muita técnica e uma garra e força de vontade de vestir e representar essa camisa, mesmo com todas as dificuldades que encontraram dentro e principalmente fora de campo.

O Clube Atlético Guaçuano passará por um grande momento de indefinição, principalmente porque no mês de outubro teremos eleições municipais e também as eleições do clube. O blogdoguacuano estará antenado a tudo que tiver o interesse do Clube Atlético Guaçuano e trará as novidades e também as incertezas que cercam o futuro do Mandi.

Tudo ou Nada – Parte 2

Bom dia Amigos do blog,

Continua neste domingo (02) a nossa sequência do tudo ou nada. Na ultima quarta-feira (29) iniciamos a sequência de 04 vitorias que precisamos para nos manter vivos dentro da Copa Paulista. Neste domingo não será diferente e precisamos novamente da vitoria para manter vivo o sonho de classificação para a 2ª fase da competição. Após uma bela partida contra o Independente em Limeira/SP, o Guaçuano volta a campo para enfrentar o Rio Branco, desta vez no estádio do Camacho. O jogo será realizado a partir das 10h00m

Sem muito tempo para preparar a equipe, o técnico João Batista não fará mudanças drásticas no time que jogou na ultima rodada, até porque o bom comportamento e o posicionamento perfeito da equipe deixou o treinador satisfeito com o rendimento do time. A unica alteração acontece no setor de ataque: Com Billy suspenso após ter sido expulso, o treinador ainda não decidiu se escalará Victor Silva no ataque ou se adiantará Dinda para o ataque abrindo assim uma vaga no meio campo. Certo mesmo é que a equipe começará jogando na formação 4-4-2 e tentará se impor desde o inicio como no jogo contra o Independente.

João Batista gostou da postura da equipe no jogo contra o Independente. Ele espera apenas corrigir algumas falhas na marcação que possibilitaram algumas jogadas de perigo do adversário. O treinador considera fundamental e espera que a torcida compareça em peso para apoiar a equipe nesta reta final da 1ª fase da Copa Paulista.

Se nenhum imprevisto acontecer até o jogo, o Mandi irá a campo com: Victor, Guilherme, Dedé, Samuel e Fabiano; Léo Paraíba, Veiga, Dinda (Wilson) e Yannick; Victor Silva (Dinda) e Ray.

Amigo torcedor, tenho consciência que nossa situação é extremamente complicada, mas EU continuo acreditando e muito nesse grupo de jogadores e comissão técnica. O trabalho realizado por esses profissionais é digno de nosso respeito e apoio. Qualidade e potencial eles tem de sobra, e eu confio que eles irão levar nosso sonho de classificação até a ultima rodada. No ultimo jogo deu certo meu palpite no resultado, e aposto no placar de 2×1 dessa vez!!!

Vamo que Vamo…É Guaçuano!!!!

Entrevista e Fotos: Independente 0×1 Guaçuano

Boa tarde Amigos do blog,

Conforme prometido, trago as fotos e o áudio da entrevista com o técnico João Batista. Vale a pena ouvir o depoimento do nosso técnico.

João Batista fala ao blog do Guaçuano

Aquecimento

Aquecimento

Equipe do Mandi perfilada para o Hino Nacional

Equipe do Mandi perfilada para o Hino Nacional

Mandi em ação durante a partida

Mandi em ação durante a partida

Fabiano foi um dos destaques da partida

Fabiano foi um dos destaques da partida

Guilherme ouve atentamente as instruções do técnico João Batista

Guilherme ouve atentamente as instruções do técnico João Batista

Mandi Respira

Bom dia Amigos do blog,

E que dia!!! Amanhecemos vivos e na briga pela classificação à 2ª fase da Copa Paulista.

Foi uma bela vitoria conquistada dentro de campo perante o Independente no vazio estádio Comendador Agostinho Prada, em Limeira/SP. A vitoria deixa o Guaçuano com a possibilidade de se manter vivo na Copa Paulista. Restam ainda 3 partidas para o Mandi nesta 1ª fase: Rio Branco (Estádio do Camacho-Domingo 02/Set ás 10hs), Paulista (Estadio Jaime Cintra – Quarta 05/Set ás 15hs) e XV de Piracicaba (Estádio do Camacho-Domingo 09/Set ás 10hs). Se o Mandi vencer os três compromissos, a chance de classificação é enorme, mas vamos pensando jogo-a-jogo.

A partida começou equilibrada e com ambas as equipes buscando as jogadas de ataque. O Independente encontrava dificuldades em atacar pelos lados do campo e passou a tentar infiltrar na zaga do Mandi pelo meio, porém os zagueiros Dedé e Samuel não davam espaços aos rápidos atacantes da equipe limeirense. Com uma zaga segura, o meio campo do Mandi começou a se destacar e criar as jogadas de ataque que o Guaçuano precisava. Com Yannick e Dinda jogando com liberdade, a bola chegava com frequência para os atacantes Billy e Ray. Com um volume de jogo muito forte o Mandi não demorou a chegar ao gol: Fabiano iniciou a jogada pela esquerda e lançou para Ray na ponta esquerda…O centroavante do Mandi dominou a jogada proximo a linha de fundo, cortou para trás e deu um belo cruzamento para Dinda chegar na area e cabecear com estilo para encobrir o goleiro Alex…. O Mandi abria o placar aos 12 minutos de jogo. Dinda comemorou seu primeiro gol com a camisa do Guaçuano fazendo um golpe de capoeira.

Com o placar a favor, o Guaçuano manteve a mesma postura tática e permanecia com maior volume de jogo em relação ao adversário. Com o passar do tempo, o Independente foi ficando nervoso e começaram a aparecer varias jogadas violentas. O arbitro pecou por não anotar varias infrações desse tipo e os jogadores abusavam desse tipo de jogada. Aos 40 minutos do primeiro tempo, Billy recebeu a bola no meio campo e foi se proteger da entrada do zagueiro, mas com o movimento das mãos para trás acabou acertando o rosto do volante Junior. O jogador do Independente já nervoso dentro da partida, viu a atitude como agressão e desferiu um soco nas costas de Billy. O arbitro não enxergou a jogada e só expulsou os dois jogadores após ser alertado pelo auxiliar nº 1, Sr. Leandro Alves de Souza. O Mandi ainda teve chance de marcar mais um gol no primeiro tempo, mas o goleiro Alex praticou boas defesas e manteve o placar em apenas 1×0 para o Guaçuano.

Para a segunda etapa, o técnico João Batista posicionou o Mandi para jogar nos contra-ataques e marcando atrás da linha da bola. O Independente por sua vez colocou o atacante Pitoco e veio para cima do Mandi. A tática do Guaçuano deu certo e o Independente apesar de ter mais a posse de bola, não levava perigo ao gol de Victor. As únicas jogadas que chegavam ao goleiro Victor eram de jogadas de bola parada e cruzamentos na área. Com o passar do tempo, o Guaçuano passou a explorar os espaços deixados na zaga do Independente e o atacante Ray teve duas chances claras de ampliar o marcador. Aos 26 minutos quase o Mandi fez o 2º:  Yannick recebeu de Léo Paraíba e saiu na cara de Alex, a bola batida cruzada foi salva pelo goleiro do Independente. Aos 25 minutos o técnico João Batista colocou Saulo no lugar de Léo Paraíba e Wilson no lugar de Yannick. Com 3 zagueiros fechando a zaga, quem se destacou nos desarmes e ligação de contra-ataque foi o meia Veiga, que comandou o meio campo do Mandi. O Independente tentava a qualquer custo o empate e acabou levando perigo em duas jogadas de bola parada…porém a noite era mesmo do Mandi e as duas jogadas acabaram na trave do goleiro Victor.

Aos 28 minutos o autor do gol do Mandi deu lugar ao atacante Victor. Com Ray pela esquerda e Victor pela direita, o Guaçuano abusou de perder gols e poderia ter saído com uma vantagem maior. Cada um dos atacantes teve a oportunidade de fazer no minimo um gol cada, mas as finalizações pararam nas mãos de Alex e passou bem próximo a trave do goleiro do Independente. Final de jogo:  Independente 0×1 Guaçuano. Apesar do placar minimo, foi uma bela e grande vitoria do elenco Guaçuano. Uma vitoria que enche de orgulho o peito do torcedor Guaçuano.

Em breve estarei postando aqui fotos da partida e uma entrevista com o técnico João Batista. Na entrevista ele fala da partida, da sequência no campeonato, e principalmente das dificuldades que a equipe anda tendo.

Agora é Tudo ou Nada!!!!!

Boa tarde Amigos do blog,

04 jogos… 04 vitorias…. É exatamente isso que o Guaçuano precisará para manter-se vivo na Copa Paulista. A necessidade de manter-se 100% até o final da primeira fase, é o reflexo da falta de resultado positivos até aqui na competição. A equipe do Mandi se apresentou bem dentro da competição, porém a falta de resultados positivos durante a competição fez com que o Guaçuano chegasse nesse momento com a obrigação de vencer todos os jogos até o final da primeira fase.

A situação delicada da equipe, vem trazendo um peso a mais para os atletas dentro das partidas. Para reverter essa situação, o técnico João Batista tem tentado conversar com os atletas e diminuir essa pressão psicológica dos atletas dentro dos jogos. As dificuldades encontradas fora das quatros linhas, como uma alimentação mais completa, um centro de treinamento que não seja o estádio do Camacho, e outras tantas adversidades, poderiam ajudar a diminuir esse peso da equipe, porém a comissão técnica sabe que terá que trabalhar com essas dificuldades até o final da Copa Paulista e tem tentado se adaptar da melhor forma possível.

Para o jogo que declarará a sobrevivência ou morte (toc, toc, toc) do Mandi dentro da Copa Paulista 2012, o técnico João Batista não fará grandes mudanças. O esquema tático será o mesmo das ultimas duas partidas: 4-4-2. As mudanças acontecerão nas duas laterais: Guilherme e Fabiano assumem as alas direita e esquerda respectivamente. Caso não tenha nenhum problema de ultima hora, o Mandi vai a campo com Victor, Guilherme, Dedé, Samuel e Fabiano; Veiga, Léo Paraiba, Dinda e Yannick; Billy e Ray. Com as mudanças nas laterais, o técnico João Batista pretende dar mais marcação pelos lados de campo e liberar mais os meias para atacar. Ainda segundo João Batista, as opções por Guilherme e Fabiano nas laterais, são em virtude do maior poder de marcação dos escolhidos em relação a João Paulo e Diego, atletas que vinham atuando de titular.

Agora não resta mais escolhas….é Vencer e se manter vivo na Copa Paulista. Com qualquer outro resultado o Mandi dá adeus a Copa Paulista e depois só cumprirá tabela até o final da 1ª fase.

Respeito e muito o Independente, mas acredito numa vitoria nesta noite. Arrisco o placar de 1×0… 

Vamo que Vamo ….É Guaçuano!!!!!!

Situação Delicada

Bom dia Amigos do blog,

O empate em 0×0 no ultimo sábado, complicou ainda mais a situação já complicada do Mandi. Com o resultado o Guaçuano permanece na 6ª colocação com 6 pontos atras do ultimo classificado para a 2ª fase da Copa Paulista. Matematicamente é possível brigar pela classificação, porém somente com uma sequencia de 4 vitorias será possível alcançar o objetivo. O jogo do ultimo sábado contra o Capivariano foi muito disputado: no primeiro tempo houve um  domínio muito grande da equipe da casa, e o Mandi acabou segurando o resultado e não levou gols; Já na segunda etapa o Guaçuano partiu pra cima e acabou pressionando um pouco mais, mas o 0×0 prevaleceu no placar.

O jogo de amanhã contra o Independente selará de vez o caminho do Mandi na Copa Paulista. Uma vitoria deixa o Mandi vivo na competição, e dependendo de outros resultados ficaremos apenas 3 pontos da zona de classificação e dependendo apenas de nossas forças num confronto direto pela classificação. Empate ou derrota na partida, deixa o Mandi matematicamente fora da briga pela classificação.

***************

No confronto contra o Capivariano no ultimo sábado, tive a oportunidade de rever dois ex- jogadores do Mandi. Amagno e Paulo Osório estiveram reunidos com os atletas após a partida e houve um bom bate papo entre os amigos de clube.

Amagno alias confidenciou que sempre acompanha o blog e procura saber como anda a situação do Mandi. Quero aproveitar o espaço e deixar um abraço a esse atleta que acabei virando amigo, e que mesmo não estando mais no Mandi tem o meu respeito e torcida pelo seu sucesso. Valeu Amagno!!!

*************

Em julgamento realizado na noite desta segunda-feira (27) o Clube Atlético Guaçuano foi julgado pelo artigo 211 do CBJD e punido com multa no valor de R$ 1.000,00 (hum mil reais); No mesmo julgamento, o preparador de goleiros Saulo Adriel foi julgado e punido por 4 partidas e uma multa de R$ 100,00 (cem reais) pelo artigo 243-F do C.B.J.D. As punições são referente a denuncia da partida contra o Ituano no ultimo dia 19.

É Vencer ou Vencer

Bom dia Amigos do blog,

Chegou a hora… Não dá mais para ser depois… Hoje o Guaçuano entra em campo contra a equipe do Capivariano na cidade de Capivari/SP e não pode ter outro resultado que não seja a vitoria…Nem o empate serve para o Mandi!!!  Perder pontos significa dar adeus as chances de classificação para a 2ª fase da Copa Paulista.

O palco do espetáculo desta tarde não receberá publico. O Estádio Carlos Colnaghi que nos últimos anos sediou belos confrontos entre Capivariano X Guaçuano, esta interditado por falta de laudos e a partida acontecerá com portões fechados. A historia recente desse confronto alias chama a atenção pela rivalidade que se criou desde a época da “Bezinha”, de onde Capivariano e Guaçuano saíram para tentar buscar um lugar de destaque no futebol paulista. Os confrontos recentes reservaram as equipes visitantes levar a melhor ao final da partida: Nos últimos dois jogos em Mogi-Guaçu, o Capivariano venceu em 2011 pela Segunda Divisão pelo placar de 1×0 – Gol de falta do atacante Romão – e em 2012 pela Copa Paulista arrancou um empate por 2×2 com gols de Denis e Everton pelo Leão e Billy e Ray marcando pelo Mandi. Já quando o jogo foi realizado em Capivari, o Mandi levou a melhor: em 2011 pela Segunda Divisão houve empate em 2×2 – Gols de Romão e Lucas pelo Capivariano e Tiago Chulapa e Gustavo pelo Mandi – e pelo Paulista A3 deste ano o Mandi aplicou uma sonora goleada de 5×0 – Billy (2) Chulapa (2) e Bruninho marcaram os gols da vitoria, que ainda teve uma defesa de pênalti do goleiro Victor.

Como o Guaçuano não tem outra alternativa a não ser a vitoria, o técnico João Batista manterá um esquema mais ofensivo mesmo atuando fora de seus domínios. Assim como aconteceu na partida contra o Ituano no ultimo final de semana, o Guaçuano começará o jogo na formação 4-4-2. Com o retorno da zaga considerada titular, o técnico João Batista pretende que a equipe pressione o Capivariano desde o inicio em busca do resultado. Dedé que sentia dores lombares, esta totalmente recuperado e confirmado no miolo de zaga do Mandi. Outra boa noticia é o retorno do zagueiro Samuel que recentemente passou por uma lesão na coxa e também por problemas familiares. Samuel não atua desde o dia 01 na derrota para o Paulista.

O Guaçuano começa a partida com Victor, Guilherme, Dedé, Samuel e Diego; Veiga, Léo Paraíba  Yannick e Dinda; Billy e Ray.

*************

Ontem pela abertura da 9ª rodada pelo grupo 3 da Copa Paulista, o XV de Piracicaba recebeu o Independente no Barão de Serra Negra e acabou perdendo pelo placar de 1×0. Com o resultado o XV permanece na liderança com 14 pontos ganhos em 8 jogos disputados, seguido pelo Ituano com 13 pontos em 7 jogos, Capivariano com 11 pontos em 7 jogos e fechando o G4 o Paulista com 11 pontos em 7 jogos. Com a vitoria fora de casa, o Independente chega a 10 pontos ganhos em 8 jogos disputados e encosta de vez na briga pela classificação. Vale lembrar que o Mandi vem na 6ª colocação com 5 pontos em 7 jogos. Alem de Capivariano X Guaçuano, hoje também tem Ituano X Rio Branco pela 9ª rodada. Ambos os jogos acontecem neste sábado as 15:00hs